A EETEPA ICOARACI, carinhosamente conhecida como “CACAU”, homenageia Francisco das Chagas Ribeiro de Azevedo, conhecido pelos amigos como “Cacau”, nasceu em Icoaraci, iniciou seus estudos no distrito, obtendo aprovação na Universidade Federal do Pará (UFPA), onde se formou em bacharel em Psicologia, psicólogo clínico e licenciado pleno em Psicologia. Exerceu sua profissão de psicólogo no Departamento de Ensino Especial da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), e na Unidade Técnica de Educação Especial de Icoaraci. Foi professor de psicologia nas escolas estaduais de ensino médio Maria Antonieta Serra Freire e Avertano Rocha, ministrando também a disciplina Ensino Religioso no colégio Nossa Senhora de Lourdes. Foi agente distrital de Icoaraci e assessor especial superior do gabinete do prefeito de Belém.
Foi inaugurada em 15 de outubro de 2007e inicialmente foi chamada de ETP BELEM e integrava a Organização Social Escola de Trabalho e Produção do Pará (OS ETPP) que naquele período gerenciava as escolas técnicas do Pará. Os cursos Técnicos ofertados foram: Técnico em Artesanato, Técnico em Informática, Técnico em Hospedagem e Técnico em Design de Interiores.
Em 2010 a escola passou a ser gerênciada pela Secretaria de Estado de Educação (SEDUC), que criou a Rede de Escolas Técnicas do Estado do Pará (EEETEPA) desde 2008, sendo chamada de Escola de Ensino Técnico do estado do Pará (EETEPA) – Francisco das Chagas Ribeiro de Azevedo “CACAU”.
No ano de 2012 foi criado o Grêmio Araguaia que congregou os estudantes da EETEPA na luta pelos direitos estudantis.
Em 2013 com a adesão da escola ao PRONATEC foram oferecidos cursos técnicos na modalidade concomitante ao ensino médio e de Formação Inicial e Continuada (FIC).